Quanto cobrar: montagem de PC personalizado

Aviso importante!

Eu sei que você não quer ver propagandas, porém o conteúdo gratuito só está aqui graças a publicidade. Considere desativar o AdBlock para esse site.

Seja bem vindo a mais um post da série de artigos chamada "Quanto cobrar", que como o próprio nome sugere traz dicas de quanto cobrar pelos serviços mais comuns na área de manutenção de computadores. Cada artigo da série irá abordar um assunto específico e além das dicas pode conter alguns cálculos simples para incentivar os técnicos em sua rotina diária de trabalho.

Lembre-se que formar o preço de venda de um produto ou serviço é uma tarefa complicada, e vários fatores podem influenciar no resultado final, tais como região do país, qualificação do técnico, fidelidade do cliente, custos do técnico entre outros. Vou levar em consideração a região onde eu moro atualmente (sul do país) para a composição dos artigos, se necessário adapte-os para sua realidade.

A compra de peças para montagem de computadores está se tornando cada vez mais comum, e vários clientes tem optado por adquirir um PC montado de acordo com sua real necessidade. Porém muitos técnicos estão sendo pegos de surpresa e cobrando valores "simbólicos" para prestar este serviço, mas com o artigo de hoje vamos entender um pouco melhor esse processo.

Serviços envolvidos

Muitos técnicos estão levando em conta somente a parte final do processo, que é a montagem propriamente dita, mas esquecem que o trabalho começou muito antes disso. Montar um PC personalizado não é só pegar as peças e fixá-las no gabinete, todo um ritual deve ser seguido antes mesmo de comprar o primeiro componente.

Na verdade "construir" um computador focado em uma necessidade nada mais é que uma consultoria que será prestada ao cliente, isso envolve um briefing inicial, a escolha e compra das peças seguida da montagem, configuração e entrega do PC.

Primeiramente será preciso entender a necessidade e conhecer a realidade do cliente, a fim de descobrir qual será o uso do computador. Esse uso pode envolver tarefas simples como leitura de email e estudo somente, ou então pode ser um PC para modelagem 3D ou games de última geração.

Cada necessidade exige componentes específicos, um computador para usuário doméstico deve ser montado levando-se em conta o melhor custo X benefício ao cliente, enquanto um PC para modelagem 3D deve obrigatoriamente ser equipado com componentes topo de linha e focados no uso profissional (como é o caso das placas de vídeo Quadro ou FirePro por exemplo).

Já um PC gamer também pode ser equipado com a linha topo de mercado, porém as placas de vídeo devem ser focadas em games e não em uso profissional como no exemplo acima. Temos ainda a questão do gabinete, refrigeração e outros fatores importantes a serem considerados.

Como todos puderam perceber, é preciso muito estudo para se chegar a um computador perfeito, e isso você tem que deixar muito claro para seu cliente, afinal de contas todo esse processo irá gerar um valor agregado que obviamente deverá ser pago pelo cliente. Como argumento de venda você pode usar o exemplo dos carros customizados, onde um mesmo veículo custa muito mais que o original da concessionária.

Qual o valor disso tudo?

Eu costumo cobrar R$ 350,00, e neste valor estão inclusos:

  1. Briefing inicial para conhecer a real necessidade do cliente
  2. Escolha das peças e compra das mesmas
  3. Montagem do computador
  4. Organização da fiação interna
  5. Instalação do sistema operacional e aplicativos essenciais

Games e softwares de trabalho ficam por conta do cliente, eu deixo o computador com o básico para tarefas essenciais, uma vez que geralmente os games e aplicativos comerciais são comprados e cada cliente terá seus números de série para instalação.

Talvez alguns estejam se perguntado: alguém paga isso pra montar um PC?

Sinceramente se você fez essa pergunta você não está preparado para prestar esse tipo de serviço ou então não entendeu o que eu disse no início deste post: você não faz a montagem de um PC personalizado, você presta uma consultoria ao cliente.

Assim encerramos mais um artigo, espero que tenha sido útil e até o próximo!

Mais posts desta série

Este post faz parte de uma série, confira tudo que já foi publicado sobre o mesmo assunto.

Sobre o autor

Ricardo Bernardi

Sou técnico em hardware e desenvolvedor web, e sobre estes dois assuntos comecei a compartilhar aulas e artigos, tornando-me blogueiro em 2008. Em 2010 esse hobby virou profissão, e desde então tenho buscado melhorar e profissionalizar cada vez mais os projetos que mantenho na web.

Comentários

Atualmente temos 16 comentários para este post. Participe você também, clique aqui e comente sobre o assunto.

    • leandro comentou em

      ta certo kk valeu pela dica. meu primo que me deu esse exemplo ele tambem é tecnico e eu perguntei a ele quanto cobraria pela montagem de cada peça ele me passou esse exemplo mas vejo que sem duvida o seu é melhor

      Responder
      • Uma coisa é ser revendedor das peças, outra é apenas prestar o serviço de montagem, você precisa saber distinguir essas duas possibilidades. Se teu primo tem loja, o método até pode ser aplicado em cima do custo, mas se tratando de valor final é bem diferente.

        Responder
  • Eduardo comentou em

    Olá Ricardo, meus parabéns por sua didática e informações postadas. Você é fantástico!
    Como você lida com a pirataria de softwares?
    As pessoas estão viciadas em soluções piratas e exigem um serviço mais barato. Infelizmente ta todo mundo de alguma forma querendo ganhar dinheiro fácil, ou softwares grátis.
    Eu opto pelos originais, induzo os clientes explicando os benefícios dos mesmos e eles acabam por comprarem os originais. E você? Responda por e-mail se preferir.
    Muito obrigado e um grande abraço.

    Responder
    • Marcelo comentou em

      Eu pelo contrario incentivo a pirataria pratico ela e faço cracks de programas originais um original que custa 6 mil como ex o promob eu cobro 3mil pra pegar em 10 computadores, isso sim amigo da dinheiro apesar de ser crime , mais crime mesmo e o preço e livros e softwares originais nesse pais , a pirataria de filmes ganhou a guerra locadoras forao destruídas pessoas desempregadas mais o preço do original baixou e quem ganhou foi todos.

      Responder
      • Jorge comentou em

        Fazendo isso você além de estar cometendo um crime( que prejudica os autores), está fortalecendo monopólios (fazendo propaganda e distribuição gratuita do Windows, por exemplo), prejudicando os concorrentes (ex : Linux, Firefox, LibreOffice) e deixando brechas de segurança e spywares (embutidos nos cracks) para seus clientes.

        Além disso tudo você está colaborando com a desvalorização da nossa profissão, tão marcada pela desonestidade e falta de preparo de muitos profissionais. Ou você nunca ouviu falar da ética profissional ?

        Ética para com os clientes, parceiros, fornecedores, colegas de profissão e a sociedade em geral.

        Pirataria é um roubo sim, e não podemos justificar um crime (preços altos dos originais e impostos abusivos) com outro crime. Façamos a nossa parte. Não podemos cobrar honestidade dos outros se não formos honestos. A mudança começa por nós.

        http://www.profissionaisti.com.br/2013/03/o-tecnico-em-informatica-e-a-etica-profissional/

        Responder
    • Daí o cliente chega na loja, não tem exatamente a peça que foi orçada, o vendedor "empurra" outra pra ele e todo o teu serviço vai por água abaixo, uma vez que o desempenho pode sofrer alterações...

      Responder
      • Fábio comentou em

        Realmente, eu mesmo comprando é bem melhor. Mas o problema é que eu tenho outra profissão durante o dia e exerço a de técnico durante a noite e aos finais de semana, portanto, não há disponibilidade para mim fazer essa compra. Então eu faço da seguinte forma: Aqui no Rio, os melhores preços geralmente estão no centro, então eu imprimo uma lista com 3 opções de lojas para cada componente, todas com preços parecidos, assim o risco de o cliente não achar determinada peça diminui. Dessa maneira eu cobro 240 reais (-20%), faço todos os outros procedimentos, menos a compra das peças.

        Responder

Deixe seu comentário