Melhor forma de instalar o fan de um water cooler

Aviso importante!

Eu sei que você não quer ver propagandas, porém o conteúdo gratuito só está aqui graças a publicidade. Considere desativar o AdBlock para esse site.

Muitas pessoas tem dúvida sobre a melhor forma de instalar o fan de um water cooler, isso porque existem basicamente três maneiras distintas de fazer isso, uma delas instalando o fan como exaustor, outra como ventilador ou fazer o chamado sistema push and pull, que é composto por dois fans, um exaustor e outro ventilador.

Mas na real, qual a diferença entre cada setup? Confira o teste que eu fiz e veja os resultados.

Sobre o autor

Ricardo Bernardi

Sou técnico em hardware e desenvolvedor web, e sobre estes dois assuntos comecei a compartilhar aulas e artigos, tornando-me blogueiro em 2008. Em 2010 esse hobby virou profissão, e desde então tenho buscado melhorar e profissionalizar cada vez mais os projetos que mantenho na web.

Comentários

Atualmente temos 6 comentários para este post. Participe você também, clique aqui e comente sobre o assunto.

  • Joao Paulo Augusto da Silva comentou em

    Olá Ricardo, parabéns, seu vídeo foi excelente para esclarecer algumas dúvidas. No entanto, ainda me resta uma questão que venho buscando resposta na net já faz algum tempo, na montagem do water cooler lacrado, a posição do radiador influencia no desempenho? tipo, a entrada/saída do líquido virado para cima gera um resultado e as mesmas viradas para baixo geram um outro resultado?

    Responder
  • Luiz Roberto da Silva comentou em

    Olá Ricardo. Muito bom o seu vídeo. A sua explicação ficou clara e objetiva. Se me permite, vou deixar aqui uma sugestão tirada de um vídeo que vi na internet, no qual o modelo de instalação é também um push-pull, porém montado de fora para dentro do gabinete. O radiador é instalado na parte interior e frontal do gabinete, recebendo ventilação de uma fan de pressão estática instalada na parte externa e frontal do gabinete em push e outra fan instalada internamente e fixada ao radiador atuando como exaustor ou pull. No topo do gabinete duas fans de 140 e na parte traseira uma fan de 120, todas elas de alto fluxo de ar, responsáveis pela exaustão do ar quente no interior do gabinete. A lógica neste método é de que o ar externo ao gabinete é sempre mais frio que no seu interior e, portanto, supostamente, o ar que vai incidir no radiador será mais frio do que o ar interno do gabinete. Fica aqui a sugestão e se puder fazer um teste baseado neste modelo ficaríamos muito gratos. Obrigado.

    Responder
    • Sim, mas daí meu processador vai baixar no máximo uns 3º, talvez 5º na melhor das hipóteses e eu estarei sacrificando todo restante do meu sistema aumentando a temperatura interna do gabinete, fazendo HDs, placa de vídeo, chipset e memórias trabalharem de 3º a 5º mais quentes...
      Daí eu pergunto: compensa pensar apenas no processador nesse caso?

      Responder
  • Marcos Germano comentou em

    Ricardo, uma sugestão para um próximo vídeo neste assunto seria manutenção para water/hidro cooler. Pois muitos usuários compram e acabam por esquecer de limpar a poeira que pode gerar no radiador. Já abri maquinas onde o water cooler estava totalmente fechado de poeira, causando mal funcionamento.

    Abraços!!

    Responder

Deixe seu comentário