Por quê eu não consigo migrar pra Linux?

Aviso importante!

Eu sei que você não quer ver propagandas, porém o conteúdo gratuito só está aqui graças a publicidade. Considere desativar o AdBlock para esse site.

Já publiquei aqui no site uma série de três artigos falando sobre os sistemas Windows, Linux e MacOS, nos quais falei um pouco sobre os prós e contras de cada sistema. Mas apesar de um sistema oferecer mais ou menos recursos que outro, migrar não é uma tarefa simples, e é sobre isso que eu quero falar hoje.

Se você parar e analisar a situação de um usuário técnico e de outro doméstico, verá que o usuário doméstico tem muito mais facilidade em migrar para outro sistema sem sofrer tanto com isso. Eu sei disso pois já tentei migrar totalmente para Linux e acabei desistindo da empreitada, porém vivenciei experiências de iniciantes que conseguiram fazer essa transição tranquilamente.

Teoricamente você deve estar pensando que deveria ser justamente o contrário, ou seja, um usuário com bastante conhecimento técnico deveria ter mais facilidade em migrar de SO, mas isso não acontece por um motivo bem simples que vou tentar explicar agora no vídeo a seguir.

 

Sobre o autor

Ricardo Bernardi

Sou técnico em hardware e desenvolvedor web, e sobre estes dois assuntos comecei a compartilhar aulas e artigos, tornando-me blogueiro em 2008. Em 2010 esse hobby virou profissão, e desde então tenho buscado melhorar e profissionalizar cada vez mais os projetos que mantenho na web.

Comentários

Atualmente temos 8 comentários para este post. Participe você também, clique aqui e comente sobre o assunto.

  • Hernando Santos comentou em

    Gostaria de algum artigo ou livro sobre impactos na mudança de um sistema operacional

    Responder
  • Vinicius Faria comentou em

    Muito bom esses artigos sobre SO's, está me ajudando, inclusive, nas minhas pesquisas de Faculdade.

    Responder
  • Thiago comentou em

    Ótimo Post,Hoje tenho um bom conhecimento em Sistema Operacionais tanto Windows como Linux mais nunca migrei totalmente para o Linux uso mais para trabalho e até mim adaptar ao Linux como Sistema Operacional foi algo bastante complicado, foram muito tempo lendo livros e várias tentativas de migração total para ele, mais a solução foi realmente deixa-lo apenas para uso profissional.

    Responder
  • Gilberto Poubel comentou em

    Post muito legal, realmente retrata as dificuldades que nós nos colocamos. Até mesmo por costume.

    Queria lhe falar, não achei um post sobre isso aqui no site, ao menos não encontrei, se houver me perdoe. Sobre programas como o Norton Ghost, usados para "formatar" o pc, isto é, cria uma imagem do sistema, e em menos tempo "formata" um pc que se já configurado vem com todos os programas básicos que você definir. Bom, para os técnicos ou até para usuários é muito prático.

    Responder
  • É verdade, se o cara for o mestre dos mestres no Photoshop(isso quer dizer que levou bastante tempo pra aprender tudo), não vai querer mudar pro Linux e demorar outro bocado de tempo pra dominar o Gimp e jogar fora todo tempo gasto do photoshop. Ainda bem que no meu tempo de windows, já utilizava vários softwares livres e não me apeguei a nem um proprietário.

    Responder
  • André Ventura comentou em

    Sou usuário de Linux. Tenho o Windows virtualizado somente para compilar aplicativos na empresa em que trabalho, onde o software gerencial está neste OS. Não vejo problema no fato de ser iniciante ou não. Se você quer encontrar algo similar do Windows para ser instalado no Linux, basta pesquisar na net. Mas quando você não encontrar um software muito particular que só existe para Windows, a solução que dei foi exatamente virtualizar (uso o VMware Player, muito bom e gratuito).

    Att.

    Responder
  • Fabiano comentou em

    Não concordo. Acho que a palavra não é dificuldade, e sim adaptação. Um usuário leigo se adapta facilmente a outro SO. Usei o Windows por quase 10 anos e não tive dificuldade nenhuma quando há alguns meses atrás resolvi migrar pro Linux. Ainda estou me adaptando, mas não tenho dificuldade em fazer o que eu fazia no Windows.

    Responder

Deixe seu comentário