Diferença entre um produto BOX e OEM

Aviso importante!

Eu sei que você não quer ver propagandas, porém o conteúdo gratuito só está aqui graças a publicidade. Considere desativar o AdBlock para esse site.

Se você costuma comprar componentes de computador pela internet, já deve ter se deparado com anúncios de produtos que em sua descrição indicam ser um BOX, enquanto alguns são oferecidos como OEM. Talvez muitos de você já conheçam as diferenças, mas para quem ainda não sabe do que se trata, eu vou explicar a partir de agora.

Produtos in a BOX

São produtos vendidos para o consumidor final, portanto são preparados para atender todas as exigências do cliente bem como as obrigações legais para estarem no mercado. Este tipo de produto vem em uma embalagem (caixa) própria com a marca do fabricante que traz em seu interior, além do produto principal, acessórios, termo de garantia e manuais de instrução/instalação.

Pegando como exemplo uma placa mãe, quando vendida in a box, ela vem dentro de uma caixa com cabos sata, CDs com drivers, cabos extras, manual de instruções, termo de garantia entre outros acessórios que o fabricante julgar necessários.

motherboard box

Produtos OEM

Produtos OEM (Original Equipment Manufacturer), são produtos originais que são vendidos geralmente em grandes quantidade para fabricantes/montadoras de computadores e notebooks porém sem os acessórios e itens extras.

Portanto, pegando o mesmo exemplo da placa mãe acima, se ela fosse OEM, viria somente a placa em uma embalagem plástica anti-estática, sem a caixa, cabos, CDs e demais acessórios. Como era de se supor, produtos OEM são vendidos por um preço bem mais em conta e geralmente em grandes quantidades.

Existem empresas que compram grandes quantidades de componentes OEM e os embalam colocando sua própria marca para então vendê-los para o consumidor final. Por outro lado, é muito difícil encontrar produtos neste formato para venda nas lojas.

motherboard oem

Os cuidados na hora de comprar

Principalmente no Mercado Livre, muitos vendedores anunciam produtos OEM, porém fique atento para não cair no "conto do vigário". Sob alegação de ser um produto OEM, alguns agem de má fé e vendem produtos remanufaturados ou até mesmo usados.

Somente compre se você realmente conhece e confia na loja/vendedor.

Outro cuidado é quanto aos acessórios necessários, pois uma vez que eles não vem com o produto, você deverá adquirir eles separadamente caso necessário. Um processador OEM, por exemplo, não vem com o cooler de refrigeração, o que obrigaria você a comprar um separadamente.

Softwares

Mas note que não são só os componentes que são encontrados nestes dois formatos, os softwares também. No caso do Windows, por exemplo, a versão OEM não inclui o DVD de instalação, apenas uma licensa válida. Muitos outros aplicativos são comercializados neste formato, os jogos são um bom exemplo.

A grande maioria dos games você já encontra para compra digital, ou seja, você baixa o game direto do site do fabricante ao invés de comprar uma caixa com DVD e demais itens.

Bom pessoal, por hoje era isso. Espero que o artigo tenha sido esclarecedor.

Sobre o autor

Ricardo Bernardi

Sou técnico em hardware e desenvolvedor web, e sobre estes dois assuntos comecei a compartilhar aulas e artigos, tornando-me blogueiro em 2008. Em 2010 esse hobby virou profissão, e desde então tenho buscado melhorar e profissionalizar cada vez mais os projetos que mantenho na web.

Comentários

Atualmente temos 7 comentários para este post. Participe você também, clique aqui e comente sobre o assunto.

  • Carlos Eduardo comentou em

    Gostei da explicação, bem clara e objetiva.
    Entretanto, fiquei com uma dúvida: No produto "" ficou claro que 'são preparados para atender todas as exigências do cliente bem como as obrigações legais para estarem no mercado.'
    Entendi neste trecho que, em referência a garantia, todos os direitos estão preservados. Principalmente as do fabricante, que geralmente é de 1 ano.
    E quanto a produtos OEM? O fabricante também cobre a garantia? Ou são aqueles míseros 3 meses dado pela loja que vende o produto?

    Responder
  • Mariya comentou em

    Tem aqueles que perdem a caixa de sua placa de vídeo/processador e vendem como se fosse "OEM".

    Responder
  • Pablo David comentou em

    Muito boa a matéria Ricardo, no Mercado Livre tem muito "OEM", que na verdade passa longe de um OEM de verdade.

    Responder

Deixe seu comentário