Como um pedaço de acrílico pode ser útil para técnicos em hardware

Aviso importante!

Eu sei que você não quer ver propagandas, porém o conteúdo gratuito só está aqui graças a publicidade. Considere desativar o AdBlock para esse site.

Após ler o título você deve estar pensando: o Ricardo enlouqueceu de vez, nunca ouvi alguém falar uma besteira tão grande. Onde eu vou usar acrílico para fazer manutenção de PCs?

Acrílico que sobrou aqui em casa (nem lembro do que)

Na verdade não basta somente um pedaço de acrílico, você vai precisar de algumas outras coisinhas: um estilete, uma lixa e um pouco de paciência. Agora com certeza você não deve estar entendendo nada não é? Então deixa eu fazer uma pergunta: o que você usa para passar pasta térmica nos processadores? Os dedos?

Agora começa a faze sentido não acha? O que você precisa fazer é desenhar uma "pazinha" no acrílico, cortar com o estilete (demora um pouco, o melhor é uma serrinha de cortar ferro) e lixar para dar o acabamento. Depois de algum trabalho eis o resultado final:

Agora é só usar sua nova ferramenta para passar pasta térmica no processador, muito mais simples e prático, além de não sujar as mãos com aquela pasta gosmenta.

Uma alternativa seria comprar pasta térmica em seringas que facilitam a aplicação, mas além de serem muito mais caras, as seringas não tem um bom rendimento, pois na maioria das vezes são suficientes para um único processador.

Bom essa foi minha dica de hoje, espero que seja útil.

OBS.: você pode substituir o acrílico por plástico resistente, como os de caixinhas de CD e DVD ou cartões bancários/de crédito por exemplo.

Sobre o autor

Ricardo Bernardi

Sou técnico em hardware e desenvolvedor web, e sobre estes dois assuntos comecei a compartilhar aulas e artigos, tornando-me blogueiro em 2008. Em 2010 esse hobby virou profissão, e desde então tenho buscado melhorar e profissionalizar cada vez mais os projetos que mantenho na web.

Comentários

Atualmente temos 11 comentários para este post. Participe você também, clique aqui e comente sobre o assunto.

  • kinhalukas comentou em

    O curso que fiz no Senac, eu fui ensinado a passar a pasta térmica com o dedo, é bem prático, eu passo em toda superficie sem excesso.

    Responder
  • Marcos Caetano comentou em

    eu uso uma seringa de injeção e mais pratico e não faz sujeira . E só colocar a pasta térmica dentro da seringa e
    pronto vc pode levar para onde quiser e aplicar no processador muito mais facil que pazinhas .

    Responder
  • fernando comentou em

    gostei da ideia eu uso uma chave de fendas a partir de agora vou usar este metodo muito bom gostei
    com o tempo vamos aprendendo .

    Responder
  • costa comentou em

    eu uso seringa , tenho uma seringa que equvale um pote desse do poste , da pra passar em uns 50 processador , tenho ela cinza e outra branca . ela por aki se chama thermal compound .

    Responder
  • Roberson comentou em

    Ricardo e suas invenções, é uma ótima dica sem duvida alguma. Valeu.
    Eu não utilizo o dedo, mas uso alguns apetrechos para passar a pasta, uma espatula ou algo que possa espalhar a pasta já utilizei até um papelão aqueles de capa dura, capas de CD DVD.

    Responder
  • A idéia da pazinha de sorvete me parece ótima, porém como por aqui eu nunca vi destas pazinhas com faces retas eu nunca me empolguei, pois as que têm por aqui são côncavas (igual uma colher) não servem para esta tarefa e eu acabei fazendo a minha.
    Mas a idéia é válida sim.

    Responder
  • Américo Garcia comentou em

    Eu na verdade uso mesmo a chave de fenda e assim espalho a pasta térmica e ao final limpo a mesma com um papel.
    acho muito mais prático, ou como disse o Vito um palito de sorvete tem a mesma serventia.

    Responder
  • vitoreverton27 comentou em

    Ricardo não sei se você vai gostar, mais eu costumo utilizar uma pazinha de sorvete, ela é muito mas ágil e não fica riscas ou algo do tipo quando espalha a pasta térmica no processador.

    Responder

Deixe seu comentário