Como preparar seu computador para o Windows 8

Aviso importante!

Eu sei que você não quer ver propagandas, porém o conteúdo gratuito só está aqui graças a publicidade. Considere desativar o AdBlock para esse site.

Em pouco tempo o Windows 8 chegará às lojas. Com sua interface toda remodelada, o SO promete ao usuário uma experiência de uso muito mais amigável, semelhante àquela oferecida pelos tablets atualmente. Se você está pensando em migrar, com certeza vai querer aproveitar ao máximo os novos recursos, e para que isso seja possível, talvez seja necessário atualizar alguns componentes do seu PC.

Segundo a Microsoft, as máquinas que atualmente rodam o Windows 7 serão tranquilamente capazes de rodar o Windows 8, e isso pode até ser verdade. Porém minha experiência com esse tipo de transição me diz que essa teoria da MS não pode ser seguida a risca, uma vez que a cada nova versão do sistema são adicionados novos recursos e softwares.

Então para quem está pensando em comprar um computador novo ou fazer um upgrade para atualizar o sistema, você deve se certificar de que os componentes que estão sendo adquiridos seja compatíveis e otimizados para Windows 8. Gaste um tempo analisando seu PC em busca de incompatibilidades e planeje eventuais upgrades de hardware conforme as dicas a seguir:

Analisando o sistema atual

Alguns aplicativos podem não ser compatíveis, especialmente os que necessitam de acesso de baixo nível ao sistema operacional, como antivírus ou outros softwares de segurança. Drivers também podem ter incompatibilidade, embora o instalador do Windows 8 seja capaz de substituí-los por versões suportadas, isso nem sempre irá ocorrer.

Fazendo upgrade de hardware

Se você precisa atualizar algum componente de hardware, dedique um tempo para pesquisar o que funciona melhor com o Windows 8, mesmo que você não esteja pensando em migrar imediatamente, um dia isso vai acabar ocorrendo e é melhor estar preparado.

Memória Ram

A Microsoft diz que o Windows 8 exige 1 GB de memória RAM na versão de 32 bits e 2 GB para a versão de 64 bits do sistema, e realmente é possível rodar o sistema nessas condições. Mas acredite, você não vai ter uma boa experiência se optar pelo mínimo de memória recomendado, pois esse cálculo deles leva em conta somente o sistema operacional, mas como todos sabem (ou deveria saber) todo aplicativo vai necessitar de sua parcela de RAM para ser executado, logo é necessário um pouco mais que o mínimo recomendado.

Eu recomendo enfaticamente que se use no mínimo o dobro do recomendado, para então sim poder desfrutar de um bom uso e aproveitar ao máximo o que o novo sistema pode lhe oferecer. Atualmente com os preços de mercado não é vantagem nenhum montar um PC com menos de 4 GB de RAM.

Monitor

Para início de conversa: se seu monitor não suportar no mínimo 1024x768 de resolução você nem conseguirá ver a tela principal do Windows 8. Não estou dizendo que o sistema não irá rodar, mas sua interface fica restrita ao desktop e somente aplicativos feitos para versões anteriores do Windows serão executados.

É você não entendeu mal não, nem os programas serão executados se a resolução de sua tela não estiver adequada às novas exigências, portanto é hora de aposentar seu monitor caso ele ainda seja "das antigas".

Placa de vídeo

Neste caso você deve consultar o fabricante e verificar nas especificações se o modelo desejado já é otimizado para o novo sistema, pois modelos antigos podem reduzir o desempenho, além de fazer mais barulho e gastar muito mais energia do que o necessário. Se você pretende rodar jogos então, é melhor se preparar para adquirir uma placa top de linha, ou então adeus diversão.

Toque e reconhecimento de gestos

Esse conceito é abraçado com força total pelo novo sistema, sendo assim, dispositivos que suportem essas tecnologias serão bem vindos ao novo Windows. Mas tome cuidado, pois como há poucos ítens desse tipo para venda o valor ainda é bem elevado, o que pode acabar não compensando em um primeiro momento.

Sobre o autor

Ricardo Bernardi

Sou técnico em hardware e desenvolvedor web, e sobre estes dois assuntos comecei a compartilhar aulas e artigos, tornando-me blogueiro em 2008. Em 2010 esse hobby virou profissão, e desde então tenho buscado melhorar e profissionalizar cada vez mais os projetos que mantenho na web.

Comentários

Atualmente temos 6 comentários para este post. Participe você também, clique aqui e comente sobre o assunto.

  • Robson Ribeiro comentou em

    Instalei o Windows 8 X64 no meu Notebook com core i3 e 4Gb e ficou meio capenga, não sei se pelo fato de meu HD estar com bastante setores ruins. Agora o 32 bits instalei e rodou muito bem, estou usando em tempo integral e estou gostando muito. Desta vez a Microsoft mandou muito bem.

    Parabéns pelo Post bastante instrutivo.

    Responder
  • Léo Oliveira comentou em

    Acabei de comprar o update OEM do Windows 8, e todos os meus apps e arquivos ficaram do jeito que estava antes, e até mesmo a organização do desktop não mudou.

    Meu notebook ficou muito mais rápido e o consumo de RAM diminuiu MUITO MESMO, o boot completo dele leva menos de 40 segundos (segundo o teste que eu fiz no Soluto), e a integração dessa versão com a Live ficou muito boa, embora os títulos estejam somente limitados, por enquanto, às produções da própria MS, porém usá-lo em conjunto com o xbox como eu fiz é muito bom, porém podia ser melhor. As vezes o aplicativo Xbox SmartGlass não se conecta ao DLNA ou fecha inesperadamente.

    Mas recomendo e muito o update, até mesmo por que em comparação com todas as outras versões, a atualização está saindo bem em conta como valor de 83 reais e uns quebrados (mas é só pra quem tem Windows XP/Vista/7 original ou versão OEM, como é meu caso). E agora a MS também acabou com aquelas limitações chatas de Starter, Home, Premium e bla bla, e deu lugar somente à versão PRO RTM e RT.

    Responder
  • Adilson Rumão comentou em

    Só irei começar a testar daqui uns 6 meses e olha lá. Visto que a primeira versão como é de costume, vem carregada de bugs.

    Então prefiro deixar estabilizar um pouco para só assim pensar em adquirir para testes.

    Responder
  • Roberson comentou em

    Nem vou migrar nada sou usuário do linux até hoje me atende muito bem hehe. personalizei o meu Ubuntu, ficou uma interface elegante, se a questão e interface pra mim a minha esta de ótimo tamanho.

    Responder
  • Nelito Zangui comentou em

    Bem dito, Ricardo. Aliás, para quem já migrou diversas vezes sabe muito bem do que se trata.

    Responder

Deixe seu comentário